domingo, 4 de outubro de 2009

O que é Baby Blues ?

O Baby Blues se caracteriza por uma alteração transitória no humor da mãe que atinge de 50% a 80% das mulheres e se apresenta logo após o nascimento do bebê (entre o 3° e 5° dias após o parto) desaparecendo em poucos dias e de forma espontânea.
Os sintomas mais freqüentes são tristeza, irritabilidade, ansiedade e choro, e esses sentimentos acontecem devido as rápidas alterações nos níveis hormonais, o stress do parto e a consciência da responsabilidade aumentada, pois esse é um novo papel a ser desempenhado carregado de incertezas e inseguranças.
Esses sentimentos são perfeitamente compreensíveis uma vez que o bebê está ali, depende 100% desta mãe, ele chora, sente fome, dorme em horários diferentes e ela por sua vez quer satisfazer suas necessidades.
No entanto, é importante que a mãe fique atenta, pois este período (Baby Blues) não se prolonga por muito tempo, e se os sintomas persistirem o ideal é que a mãe busque ajuda médica, pois há também a Depressão Pós Parto que tem os sintomas muito parecidos com os de uma Depressão comum e deve ser tratada, e a recuperação não é de forma espontânea como é no Baby Blues.


Maria Elisangela Nunes Carneiro é Psicóloga – CRP 06/98989, com formação em Psicologia da Maternidade, Psicologia Perinatal e Aleitamento Materno. Atende em consultório particular adultos, adolescentes, crianças, gestantes e casais grávidos e orientação a pais. Ministra palestras e cursos voltados aos temas Parentalidade e Cuidados com a Infância.
Contato: mariaelisangela@maternarvida.com.br

5 comentários:

  1. Eliane M. Romagnoli4 de outubro de 2009 22:47

    Eli adorei o seu trabalho e tenho muito orgulho em tê-la conhecido. Oxalá que representantes da psicologia se dedicassem a estudar e dedicar-se a temas importantes que possibilitam alívio do sofrimento humano. Parabéns, continue nesse projeto que você gestou e já nasceu. Agora acompanhe o seu desenvolvimento e crescimento! bjs

    ResponderExcluir
  2. Vi esse post e me identifiquei pois passei por isso e não é fácil! A gente fica melancólica e cheia de interrogações e não se entende. Até fiz um post no meu blog sobre isso acho que pode ajudar alguém como esse post me ajudou.
    http://www.trocandofraldas.com.br/cuidados-pos-parto-baby-blues/

    ResponderExcluir
  3. Eu também tive e nesse momento tão difícil eu não conseguiria superar sem a ajuda da minha mãe que me deu muito apoio.

    ResponderExcluir
  4. Tbm tive esses sintomas e graças ao meu marido fiquei bem e me recuperei. Mas infelizmente por falta de informação as pessoas não compreendem e não procuram entender.

    ResponderExcluir
  5. Tmbm tive todos os sintomas porém nenhum apoio da família ou do pai de minha filha, foi um período longo e perturbador pois ao mesmo tempo que eu rejeitava a idéia de ser mãe me sentia extremamente culpada pela rejeição, náo sei ao certo quanto tempo durou mas posso dizer que foi o período mais difícil de toda minha vida, hoje minha filha tem 19 anos é nossa relação é excelente!

    ResponderExcluir